04/02/2013

Que au perreio de vida!

Hey girls!

Esse é meu 1º post aqui então sentem! (ah cês já tão sentadas) que vou minha história...





Meu nome é Eveline, tenho 22 anos sou de Olinda, Pernambuco (terra do frevo) mas não danço frevo.
Decidir ser au pair em fevereiro de 2012 mas só fiquei on line pela Cultural care em novembro de 2012 por que fui adiando adiando e adiando...
Pois bem, tô on line há 3 meses, já se passaram 10 famílias no meu app e só 2 não me cozinharam.
Cozinharam? Como assim? É gente! 8 famílias não deram nem 1 "hi".



Uma qualidade que au pair dever ter é "paciência" se não tem procura ter... e enquanto você espera uma família perfeita pra você as poucas pessoas que sabem que você vai fazer intercâmbio começam a soltar frases do tipo: Quando você vai? Meninas ainda tás aqui? Tu vai ser babá? Cuidado, você ver o que tá acontecendo em Salve Jorge? (Novela aqui no Brasil e a trama desenrola uma historia de tráfico humano), Não é melhor se formar primeiro? e blá blá blá
Gente, parei de falar no assunto intercâmbio pra não ter raiva...
...e a família o que acha disso?



Ah!!! minha família é a única que não se mete em nada, todos querem que eu vá e mande muitos Iphones rsrsrsrs
Mas para não frustar a mim nem meus pais nem conto mais nada sobre meu processo por que uma dia digo a eles que tem uma "nice family" no meu perfil e eles ficam felizes comigo e no outro dia digo que eles saíram sem dar nem um "oi", ai eles não botam fé que eu vou sabe! (Acho que é por isso que eles me apoiam, por que acham que eu não vou nunca. rs)
Tão começando a acreditar por que eu pedi as contas no trabalho e meu último dia de uma pessoa normal que (trabalha) será dia 22 de fevereiro depois disso viro uma desempregada, coisa que nunca me aconteceu e pra ser sincera tô tentando não pensar como vai ser passar o dia todo em casa, porque nem estudando estou e o curso de inglês que eu fazia acabou de acabar quarta-feira passada. Estou saindo do trabalho agora por que se sair depois do match a empresa pode não me liberar e eu perder até aquilo que não tenho. Espero viajar antes de meu seguro desemprego de 5 meses acabar. Bom Girls, não quero encher o saco falando sobre isso, quero vir  aqui e contar novi para vcs e tentar ajudar se eu puder. Quem quiser seguir meu blog e saber tudinho como começou: http://www.eveline-vasconcelos.blogspot.com.br/

...e é isso, tow livre do meu trabalho em março se Deus quiser! antes disso não posso ir e vou aguardando... deixando a vida me levar, vida leva eu.
#TAMOSJUNTAS!






8 comentários:

Janaina de Oliveira disse...

Hellow Eveline, estou numa situação parecida com a sua no início: enrolando. Mas quero desenrolar e ficar online até março. Gostei do seu jeito de escrever e força aí que jajá aparece uma ótima host family para você!

Júlia Menezes disse...

Ai Eve, essa espera é de matar, me imagino no teu lugar.. É muita coisa, e olha que eu ainda nem fiquei On, imagina quando eu ficar?? Vou ter um treco!! Awesome post!

Just Dream Valéria disse...

ai eu to on faz um mês só..é to super ansiosa....paciencia é principal dom de uma aupair!

Mari disse...

Tem horas que precisa dar um "pontapé inicial" no sonho. Ou como diz a letra de uma música gospel que gosto muito: para atravessar o mar, coloque o pé na água/ pra chegar ao outro lado você precisa acreditar/ Deus quer abrir o mar para você/ mas antes você precisa crer.
Logo logo chega uma família perfeita para você. Tudo a seu tempo!

Eveline disse...

Jana, entao fica on line logo pq a estrada eh longa e enquanto tu vai conversando com as familias vai resolvendo tua vida aqui. Valeu Boa sorte pra nos!

Eveline disse...

Ai ju tem dias q tow animada tem dias q nao! tu sabe neh ai ai ai bjo p tu!

Eveline disse...

Muita paciencia e botar na cabeça que uma hora vai ser a nossa hora, mesmo sendo muito dificil esperar. Bjo bjo

Eveline disse...

Mari, e meu pontapé tá sendo a saída do trabalho, tá sendo difícil mas tenho que começar neh! e ter fé como diz a palavra de Deus "A fé é a (certeza) de coisas que se esperam e a (convicção) de fatos que não se vêem". Vamos ter fé gente não adianta mesmo de aperriar uma hora tudo acontece. bjo