15/03/2012

Bebês


Oi gente :) hoje eu vim suuuper animada fazer esse post! O motivo? I HAVE A MATCH! :DDDD siiiiim! \o/ não vou dizer que é oficial ainda, porque estamos (eu e a HF) com uns probleminhas no sistema da agência, mas eu já falei com a agência daqui e eles com a LCC lá, então está tudo certo. Amanhã a agência vai entrar em contato comigo :) bom, eu não quis fazer um post aqui sobre o match, porque já fiz no meu blog pessoal.
Como eu tive o match, vim fazer um post mais específico, e que pode servir pra muitas meninas – como as que vão cuidar de bebês, como eu. Eu vou ter dois meninos pra cuidar, um de 10 anos e outro que estará com 10 meses quando eu chegar na família. Pesquisei e resolvi fazer um post falando um pouquinho sobre bebê! Especialmente os bebês nessa idade. Acredito que fique um pouquinho extenso, mas vai ser um post de utilidade pública, haha! Resolvi fazer esse post porque, agora que já sei as idades das kids que vou cuidar, estou direto entrando em sites e blogs pesquisando só sobre as idades deles.


Formas estimulantes de brincar com um bebê de 10 a 12 meses
O bebê já não é mais aquela coisinha frágil de outros tempos e, a cada dia que passa, aprende novidades mais depressa e precisa passar mais tempo no chão, para explorar o mundo. Nesta fase, atividades que estimulem o desenvolvimento motor, como ficar de pé, empurrar e tentar subir, são importantíssimas.

Arruma e desarruma 
Agora que a criança está descobrindo a conexão entre objetos do mundo, ela vai gostar de empilhar bloquinhos, colocar cubos em uma determinada ordem (que pode não fazer nenhum sentido para você) ou encher e esvaziar caixas com peças menores (fique sempre se olho para que não sejam pequenas demais e possam ir parar na boca).
Dê a ele uma caixa de sapato fácil de abrir e mostre como dá para colocar várias coisas lá dentro e tirar tudo depois. Em um dia mais quente, procure uma sombra gostosa e leve potes pequenos de plástico para ele encher e esvaziar com água.

Tudo por um brinquedo 
Uma vez que o bebê já fique de pé, coloque-o em uma ponta do sofá e na outra um brinquedo, para que tenha que chegar do outro lado para alcançá-lo. Aumente a distância quando perceber que ficou fácil demais, mas não comece com um percurso muito difícil, porque isso pode frustrá-lo, fazendo-o desistir.

Seu mestre mandou…
Faça um barulho estranho e olhe para o bebê para ver se ele imita você. Pode ser que sim ou pode ser que resolva fazer seu próprio som engraçado, e aí será a sua vez de imitar ou de criar algo diferente. Faça caretas ou movimentos e veja só o que acontece. Aproveite algum gesto inesperado do bebê e o repita, para mostrar como você sabe fazer como ele, o que o deixará superfeliz.

Hora do banho 
Nenhuma criança desta idade se contenta mais em simplesmente sentar na banheira e ser lavada. Bebês mais velhos querem ficar de pé, jogar água para todos os lados, pegar seu cabelo, amassar o sabonete ou o recipiente de xampu. O melhor jeito de não transformar a hora do banho em uma loucura para você é ter muitos brinquedos para distrair o bebê na água. Potes e embalagens plásticas podem servir perfeitamente para brincar, é só procurar e testar para ver o que dá certo.
Atenção: Nunca deixe um bebê brincando sozinho, nem por um segundo, na banheira.

A fala 
Quando se desenvolve 
As crianças aprendem a falar durante os dois primeiros anos de vida. O bebê começa usando a língua, os lábios, o céu da boca e qualquer dente que esteja aparecendo para produzir sons. Logo, esses sons se tornam palavras de verdade (um "mamã" ou um "papá" pode aparecer entre os 4 e os 5 meses). A partir daí, o bebê vai aprender mais palavras com você e com quem mais estiver perto dele. Entre 1 e 2 anos, ele começará a formar frases com duas ou três palavras.

De 6 a 9 meses 
Quando a criança balbucia e emite sons, eles até parecem fazer algum sentido. Isso ocorre porque ela passa a usar tons e padrões similares aos que você usa. Estimule o bebê a balbuciar lendo para ele, cantando e conversando.

De 1 ano a 1 ano e 5 meses 
Ele usa uma ou mais palavras e sabe o que elas significam. Pratica até mesmo a inflexão, elevando o tom ao fazer uma pergunta, como "co-lo?", quando quiser ser carregado, por exemplo. A criança percebe a importância da fala e o enorme poder que representa o fato de ser capaz de expressar suas necessidades.

De 1 ano e meio a 2 anos 
O vocabulário pode incluir até 200 palavras, muitas delas nomes. Entre 1 ano e meio e 1 ano e 8 meses, as crianças aprendem uma média de dez ou mais palavras por dia. Algumas aprendem palavras novas a cada 90 minutos, uma média impressionante. Cuidado, portanto, com o que diz na frente do bebê! Ele vai também juntar duas palavras, formando frases básicas como "É meu".
Aos 2 anos, usará frases com três palavras e cantará canções simples. O senso de identidade dele vai amadurecer e ele começará a falar sobre si -- do que gosta e do que não gosta, o que pensa e sente. Os pronomes podem confundi-lo e é possível que você o pegue dizendo "nenê fez", em vez de "eu fiz".



Bom gente, sei que o post ficou um pouquinho extenso, mas pra quem tem interesse no assunto, acho útil e válido :) são posts assim que me animam cada vez mais a ir pras terrinhas americanas encontrar logo as minhas kids :DDD
Um beijo pra quem passa por aqui, até o próximo post! E lembrando, quem quiser saber mais sobre meu match: http://claupair2011.blogspot.com.  :**


Referências:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Crian%C3%A7a
http://brasil.babycenter.com/baby/desenvolvimento/

3 comentários:

Tamires Souza disse...

Cláu, eu tava falando com uma family q tah esperando o primeiro baby deles... eles querem alguem pra ficar com eles desde o inicio, no caso vai ser um super newborn... fiquei super com medo pq eh tao delicado lidar com babies... acabou q eles deram um sumida e nem falei mais.. mas enfim neh... Boa sorte aeh! ;P

Bárbara Lua disse...

Mais uma vez quero te dar meus PARABÉÉÉÉNS, Cláudia, estou felicíssima por você! E a gente TEM que se visitar, ok? :D
Adorei o post, mega educativo e útil! Se eu for pra essa família cuidarei de um baby de 1 ano e quatro meses e já deu pra ter uma ideia de como será!

Beijooooooooooooooooooooos

Nane disse...

Parabens por mais essa etapa conquistada na vida de au pair... :D